A segunda Guerra Mundial e suas histórias

72
Fonte da imagem: https://img.ibxk.com.br///2015/09/08/08151826997176-t1200x480.jpg

A Segunda Guerra Mundial foi considerada o conflito mais destrutivo da história da humanidade. Alguns motivos ocasionaram essa barbárie. Uma coisa é certa, uma guerra nunca é boa para nenhum dos lados. Não importa quem saia o vencedor, os dois lados sempre estarão perdendo.

A Segunda Guerra Mundial foi um conflito militar global que durou de 1939 a 1945, envolvendo a maioria das nações do mundo incluindo todas as grandes potências organizadas em duas alianças militares opostas: os Aliados e o Eixo. Os três principais parceiros da aliança do Eixo eram a Alemanha, a Itália e o Japão. O Eixo era comandado pelo sombrio Hitler. E os países que pertenciam os Aliados eram França, Inglaterra, EUA e, posteriormente, URSS constituíram as alianças formadas na Segunda Guerra.

Os motivos da Segunda Guerra

Fonte da imagem: http://4.bp.blogspot.com/–EDKmBCnyjI/VhrYl6toHQI/AAAAAAAAAwY/RQXB-igg-Gk/s1600/PolishChildrenConcentrationCamp-658×315.jpg

Os nazistas, comandado por Hitler, decidiram levar a teoria do espaço vital adiante, promovendo assim o expansionismo alemão, primeiramente com a anexação da Áustria, em 1938, depois com a tentativa de incorporar a região dos Sudetos, na Tchecoslováquia, pois ali viviam cerca de 3 milhões de falantes da língua alemã. França e Reino Unido acordaram com a Alemanha, na Conferência de Munique, a anexação de apenas 20% do território tcheco, mas Hitler não respeitou acordo, ocupando e em 1939 todo o país. O próximo passo foi a invasão da Polônia na tentativa de recuperar Danzig, cidade perdida pelos alemães na Primeira Guerra. França e Reino Unido exigiram que os alemães voltassem atrás e, diante da negativa de Hitler, declararam guerra à Alemanha em 3 de setembro de 1939.

Além do expansionismo e das disputas territoriais, a perseguição a grupos étnicos, sobretudo aos judeus e ciganos, foi uma realidade na Segunda Guerra Mundial. Para o nazismo, os judeus eram os grandes culpados pela crise do país passara no Período Entre Guerras, devendo, portanto, ser combatidos. Antes da eclosão da guerra, políticas segregacionistas já eram colocadas em prática pelos nazistas, como a obrigatoriedade da identificação pelo uso de uma Estrela de Davi, símbolo religioso do judaísmo; proibição do casamento entre judeus e alemães; demissão de judeus de cargos públicos; criação dos guetos e de campos de concentração; e a mais radical de todas, a chamada solução final que consistia na eliminação de prisioneiros através do uso de gás tóxico.

O HOLOCAUSTO NA SEGUNDA GUERRA MUNDIAL

Fonte da imagem: https://i0.wp.com/www.fatosdesconhecidos.com.br/wp-content/uploads/2019/01/1-83.jpg?resize=900,420

O termo Holocausto tem origem nas palavras gregas holos (todo) e kaustos (queimado) e é, desde 1945, utilizado em referência ao assassinato em massa de cerca de 11 milhões de pessoas pelo regime nazista durante a Segunda Guerra Mundial. Essas mortes foram consequências da perseguição do regime de Hitler a grupos específicos, como: comunistas, ciganos, homossexuais, deficientes físicos e mentais, e, majoritariamente, judeus. Do número total, estima-se que 1,5 milhões eram crianças e 6 milhões, judeus.

Os absurdos de Hitler

Os nazistas acreditavam que existia uma “raça” superior, a ariana, e desejavam alcançá-la em sua perfeição. Um dos slogans nazistas dizia: “ein Volk, ein Reich, ein Führer”, ou seja, “um povo, um império, um líder”. O povo em questão deveria ser ariano e “puro”, isto é, sem que houvesse mistura entre arianos e outros grupos; e livre de imperfeições, o que fez com que homossexuais e pessoas com deficiências físicas e/ou mentais fossem alvo das políticas de perseguição, encarceramento e eliminação junto com judeus e ciganos, consideradas “raças” inferiores.

A política nazista de eliminação dessas populações chegou a seu extremo com a chamada “solução final”, que consistia no aprisionamento em campos de concentração e no uso de câmaras de gás, uma tecnologia desenvolvida para aperfeiçoar o assassinato em massa, visto que matava por asfixia com a liberação de gases em um determinado ambiente em que eram colocadas centenas de pessoas.

Fonte da imagem: https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/d/d9/The_Liberation_of_Bergen-belsen_Concentration_Camp%2C_April_1945_BU3774.jpg

O fim da Segunda Guerra Mundial

Essa foto abaixo virou referência em todo mundo simbolizando o fim da Segunda Guerra Mundial. Essa foto não foi posada. Ela é real.

Fonte da imagem: http://ep00.epimg.net/internacional/videos/2016/09/11/mexico/1473557069_992290_93513800_fotograma_2.jpg

Foi só com a derrota alemã que o mundo pode dimensionar o tamanho da violência empregada pelos nazistas. Na medida em que avançavam sobre campos de concentração, a tropa Aliada deparava-se com câmaras de gás, com milhões de cadáveres e com sobreviventes vivendo em condições sub-humanas.

A derrota alemã, no entanto, não colocou fim ao drama vivido por aquelas pessoas. Centenas de milhares passaram a viver em campos de deslocados, pois não tinham para onde voltar.

Os Aliados começaram a derrotar o Eixo em 1942. No Pacífico, Estados Unidos e Austrália derrotaram os japoneses. Em fevereiro de 1943, os nazistas perderam a batalha de Stalingrado, na União Soviética. Na África, Egito Marrocos e Argélia foram conquistados pelos forças Aliadas. Em julho do mesmo ano, Vitor Emanuel III, rei da Itália, destituiu Mussolini do governo e assinou a rendição italiana aos Aliados. No dia 6 de junho de 1944, os Aliados desembarcaram na Normandia, França, na operação que ficou conhecida como “Dia D”.

Era o início da libertação francesa e, no fim de agosto, Paris estava livre. Em 2 de maio de 1945, soviéticos e estadunidenses tomaram Berlim, dois dias depois do suicídio de Hitler e do alto-comando do Partido Nazista.
Iniciou-se o processo de rendição das tropas nazistas, colocando, assim, fim à guerra na Europa. Só o Japão resistia, mas, em agosto, diante das bombas atômicas jogadas pelos Estados Unidos em Hiroshima e Nagasaki, o imperador Hirohito se rendeu aos Aliados.

Chegava ao fim a Segunda Guerra Mundial, deixando cerca de 50 milhões de mortos e 35 milhões de feridos.

Fonte do artigo: https://www.infoescola.com/historia/segunda-guerra-mundial/
https://www.infoescola.com/historia/holocausto/

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você aceita, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceito Leia Mais