Saiba como surgiu o carnaval no Brasil e no mundo

70

O maior espetáculo da terra esse ano é em março: O NOSSO CARNAVAL Mas, você sabia que ele não foi criado no Brasil?

Ratos e Urubus Larguem Minha Fantasia foi o enredo criado por Joãozinho Trinta e apresentado pelo Beija-Flor no desfile das escolas de samba do Rio de Janeiro em 1.989. O carro abre-alas traria uma reprodução do Cristo Redentor vestido como um mendigo. Às vésperas do carnaval, porém, a Arquidiocese do Rio de Janeiro conseguiu uma ordem judicial proibindo a apresentação da alegoria. Joãozinho Trinta não se deu por vencido: cobriu a alegoria com um plástico preto e acrescentou uma faixa com a frase “mesmo proibido, olhai por nós”.

Fonte da imagem: https://i.ytimg.com/vi/BJp5xMEcwsU/maxresdefault.jpg

Com essa imagem, a escola de samba de Nilópolis se consagrou e se eternizou com um dos desfiles mais emblemáticos na história da Sapucaí. A escola ficou com o segundo lugar na apuração, perdendo para a Imperatriz Leopoldinense (que desfilou com Liberdade), porém marcou a Passarela do Samba e foi campeã pelo público brasileiro. Na avenida, a Beija-Flor mostrou o contraste entre o luxo das elites e a pobreza dos mendigos que vivem no meio do lixo.

Essa é apenas uma das histórias do nosso carnaval. Existem várias outras espalhadas por todo o território nacional.

O carnaval é a festa popular mais celebrada no Brasil e que, ao longo do tempo, tornou-se elemento da cultura nacional. Porém, o carnaval não é uma invenção brasileira nem tampouco realizada apenas neste país. A história do carnaval tem suas origens na antiguidade, sendo uma festa tradicional e popular que chegou ao Brasil durante a colonização. A História do Carnaval remonta à Antiguidade, tanto na Mesopotâmia quanto na Grécia e em Roma. A palavra carnaval é originária do latim, carnis levale, cujo significado é retirar a carne. O significado está relacionado com o jejum que deveria ser realizado durante a quaresma e também com o controle dos prazeres mundanos. Isso demonstra uma tentativa da Igreja Católica de enquadrar uma festa pagã. Portanto, O carnaval é uma festa popular que surgiu ainda na Antiguidade com intuito de celebrar os deuses pagãos e a natureza. Foi reconhecida pela igreja e incluída no calendário cristão depois de muitos séculos, ainda hoje é comemorada no mundo inteiro. Possui características diferentes em cada país que o festeja.

Esse cálculo foi estipulado para que não houvesse coincidência com o dia da Páscoa Católica e para que ela não ocorresse no mesmo dia da Páscoa Judaica. Assim, ela começa com o equinócio de primavera no hemisfério norte, a partir dele é preciso saber em qual dia será a primeira lua cheia, pois a páscoa é comemorada exatamente no domingo depois dessa lua. Ou seja, sabe-se que a terça-feira de carnaval é aquela que antecede a Páscoa em 47 dias. No Brasil, a data é comemorada no outono, então começa a contar a partir do dia 21 de março, dia do equinócio no hemisfério sul.

Fonte da imagem: http://historia-do-carnaval.info/images/imagens/carnaval-veneziano.jpg

O Carnaval de Veneza é o mais tradicional do mundo, tem sua origem no final da Idade Média, quando a cidade crescia por ter se tornado um centro comercial que ligava o Oriente e o resto da Europa. Várias culturas influenciaram os festejos na cidade. Mas foi no século XVII, que os integrantes da nobreza veneziana, vestindo-se com trajes luxuosos, adornavam-se com máscaras venezianas e chapéus para se misturarem ao povo nas ruas e também para ir aos bailes. As máscaras nobres são famosas ainda hoje no mundo inteiro e nunca deixaram de ser usadas na tradicional festa da Cidade, que começa dez dias antes da quarta-feira de cinzas. As pessoas costumam se divertir na Praça de São Marcos, a mais famosa, onde se reúnem pessoas do mundo inteiro.

No Brasil, a história do carnaval iniciou-se no período colonial. Uma das primeiras manifestações carnavalescas foi o entrudo, uma festa de origem portuguesa que na colônia era praticada pelos escravos. Depois surgiram os cordões e ranchos, as festas de salão, os corsos, as escolas de samba, o frevo do Recife e os trios de Salvador.

Fonte da imagem: https://uniaonoticias.com/wp-content/uploads/2018/01/Carnaval-de-Salvador-2018-ter%C3%A1-maior-mistura-de-trios-sem-corda-e-blocos-780×405.jpg

Hoje em dia o carnaval de rua tomou conta de praticamente todas as grandes capitais do país. É o famoso carnaval democrático. Onde todos tem o direito de participar. Independente da sua classe social e se estão com dinheiro ou não. Todos estão juntos e misturados. Salvador continua sendo a cidade com mais número de turistas no carnaval. Rio de Janeiro e São Paulo disputam qual será a segunda cidade que atrairá mais foliões em 2019. Mesmo o Rio de Janeiro tendo uma tradição muito maior em carnaval, em 2018 São Paulo ultrapassou o Rio em número de visitantes. Façam suas apostas e que todos tenham um excelente carnaval.

Fonte da imagem: https://ep01.epimg.net/brasil/imagenes/2018/01/31/cultura/1517417828_870212_1517491602_noticia_normal_recorte1.jpg

Fonte do artigo: https://pt.wikipedia.org/wiki/Ratos_e_Urubus,_Larguem_Minha_Fantasia
http://historia-do-carnaval.info/
https://brasilescola.uol.com.br/carnaval/historia-do-carnaval.htm

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você aceita, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceito Leia Mais