Curiosidades sobre os biomas do Brasil

35

1 – Floresta Amazônica

O Brasil é um país com uma diversidade incrível de biomas, e possui a segunda maior área florestal do planeta (476 milhões de hectares), perdendo apenas para a Rússia segundo pesquisas. Dentre os biomas brasileiros, a Floresta Amazônica é a que apresenta maior parte com quase 5 milhões de hectare de pura mata fechada.

Este bioma ocupa grande parte do estado de Amazonas e se propaga em outros 8 estados brasileiros. É realmente uma floresta imensa, e que representa 30% das florestas tropicais do planeta. Países como Venezuela, Colômbia, Guiana, Guiana Francesa, Peru, Suriname, equador e Bolívia, também possuem este bioma em seus territórios.

A floresta Amazônica possui um clima quente e muita chuva no decorrer do ano. Sua característica mais marcante são as árvores gigantes com folhas largas e todas perto umas das outras, fazendo assim com que cubra o solo e deixa pouca luz entrar entre meio a mata.

Abriga também diversas espécies de animais, como por exemplo a Onça-pintada, sucuri, surucucu, boto cor-de-rosa, anta, arara-azul, arara-vermelha, suçuarana, pavãozinho-do-pará, macaco-aranha-de-cara-branca, peixe-boi-da-Amazônia, jacaré-açu, irara, jararaca-cinza, porco-do-mato, entre várias outras espécies.

Fonte da imagem: http://www.ma10.com.br/wp-content/uploads/2017/08/Amazonia-2-770×410.jpg

2 – Cerrado

O Cerrado possui quase 25% do território nacional, sendo o segundo maior bioma do Brasil. O clima é seco, mas a biodiversidade que se encontra nela, é totalmente adaptada a esse tipo de clima, sendo que a maior parte das vegetações tem capacidade de armazenar grandes quantidades de água. O Cerrado brasileiro possui a maior diversidade vegetal do mundo que se pode encontrar em um bioma, possuindo mais de 11 627 espécies de plantas.

Sua fauna e compostas por diversas espécies de animais, como por exemplo, a Jiboia, cascavel, jararaca, lagarto teiú, ema, seriema, curicaca, urubu comum, urubu caçador, urubu-rei, arara, tucano, papagaios, gaviões, tatu-peba, tatu-galinha, tatu-canastra, tatu-de-rabo-mole, anta, ariranha, gambá, cervo, onça-pintada, preá, cachorro-vinagre, lobo-guará, lontra, tamanduá-bandeira, tamanduá-mirim, gato-palheiro, gato-mourisco veado-mateiro, cachorro-do-mato, macaco-prego, quati, cateto, queixada, porco-espinho, capivara, tapiti, jaritataca.

Fonte da imagem: https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/thumb/3/3f/Cerrado_Parque_Estadual_dos_Pirineus.jpg/1200px-Cerrado_Parque_Estadual_dos_Pirineus.jpg

3 – Mata atlântica

Este tipo de vegetação está abatendo muito cada ano que passa, possuindo apenas 13% da vegetação brasileira, a Mata Atlântica é também o bioma onde se encontra mais espécies de animais em extinção no Brasil. Tem uma diversidade incrível de vegetais, a maioria são de médio a grande porte.

Está alastrada em quase todos os estados do país, sendo eles Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Goiás, Mato Grosso do Sul, Rio de Janeiro, Minas gerais, Espírito Santo, Bahia, Alagoas, Sergipe, Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Ceará e Piauí.

A fauna da Mata-Atlântica é composta por Mico-leão-dourado, Mico-leão-de-cara-preta, Onça-pintada, Bicho-preguiça, Capivara- Tamanduá-bandeira, Tatu-peludo, Jaguatirica, Bugio, Muriquis, Gato-do-mato, Cachorro-do-mato, Lontra, Sagui-da-serra, Ouriço-preto, Tatu-canastra, Veado-campeiro, Cobra-coral, Cobra-coral-verdadeira, Cágado, Jabuti, Calango, Iguana, jararaca, jiboia, Falcão-de-peito-amarelo, pica-pau, tucano, Arara-azul-pequena, Codorna, Bicudo e Tiê-Sangue. Infelizmente alguns destes animais citados acima, estão quase sendo extintos da Mata Atlântica brasileira.

Fonte da imagem: https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/thumb/3/3f/Cerrado_Parque_Estadual_dos_Pirineus.jpg/1200px-Cerrado_Parque_Estadual_dos_Pirineus.jpg

4 – Caatinga

Este Bioma ocupa cerca de 8% da vegetação brasileira, possuindo uma área de 850.000 km² que ocupa Paraíba, Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Maranhão, Pernambuco, Alagoas, Sergipe, Bahia, e um pedaço de Minas-Gerais. É muito conhecido por ser um dos tipos de vegetação mais seca do mundo, possuindo um clima semiárido e com vegetais do tipo cactos, arbustos espinhosos e uma floresta seca.

Não se chove na região, prevalece mais o tempo quente, apenas chove no início do ano com a chegada do verão. Com pouca chuva e o tempo extremamente quente, algumas vegetações da caatinga tendem a não se estabilizar e desaparecer com o tempo se passando. O solo é raso e rochoso, dificultado assim a entrada da água para de baixo da terra, fazendo com que algumas espécies de vegetais não se formem devidamente.

Os animais que habitam a caatinga brasileira, são: Cutia, corrupião, cachorro-do-mato, arara-azul, ararinha-azul, azulão, carcará, calango-de-cauda-verde, águia-chilena, mão-pelada, onça-parda, jiboia-constritora, macaco-prego, periquito-da-catinga, preguiça-de-chifres, gralha-cancã, João-do-sul, sagui-de-tufos-brancos, tatu-bola, rapazinho-dos-velhos e veado-catingueiro.

Fonte da imagem: https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/thumb/b/bd/Nordestepernambucocaatingasecasergiosertao.jpg/1280px-Nordestepernambucocaatingasecasergiosertao.jpg

5 – Pampa

No Brasil, este bioma ocupa apenas do estado do Rio Grande do Sul. O clima da Pampa é subtropical, e sua vegetação é rica em gramíneas, plantas rasteiras, arbustos e árvores de pequeno porte, e podem passar de mais de 3000 espécies de vegetais.

Sua fauna é composta por vários animais, sendo eles: onça-pintada, jaguatirica, mono-carvoeiro, macaco-prego, guariba, mico-leão-dourado, sagui, preguiça-de-coleira, caxinguelê, tamanduá, jacu, macuco, jacutinga, ema, perdigão, perdiz, quero-quero, tiê-sangue, araponga, sanhaço, caminheiro-de-espora, joão-de-barro, sabiá-do-campo, pica-pau do campo, beija-flor-de-barba-azul, veado-campeiro, graxaim, zorrilho, furão, tatu-mulita, preá, tuco-tucos, sapinho-de-barriga-vermelha, tucanos, saíras, gaturamos, cervo-do-pantanal, caboclinho-de-barriga-verde, picapauzinho-chorão.

Fonte da imagem: http://dukamedeiros15.wixsite.com/naturezaepica/single-post/2016/08/07/Pampas-Brasileiros

6 – Pantanal

Localizando-se apenas em 2 estados brasileiros, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, o Pantanal ocupa 2% da vegetação brasileira.
O Pantanal é marcado pela alternância entre períodos de muita chuva, que acontecem entre outubro e março, e os períodos de seca são entre abril e maio.

Sua fauna e composta por, Capivara, Veado-catingueiro, Veado-campeiro, Tamanduá-bandeira, Cachorro-do-mato, Anta, Quati, Tatu-canastra, Garça-branca, Gavião-preto, Gavião-de-Penacho, Tucano-toco, Ema, Curicaca, Biguá, Cachara, Curimbatá, Jaú, Jacaré-do-pantanal, Jacaré-de-papo-amarelo, Víbora-do-pantanal, Sucuri-amarela, Jiboia Constritora, Tartaruga-do-pantanal, Calango, Sinimbu, Sururucu-do-pantanal e Muçurana.

Fonte da imagem: https://www.jornaldeturismo.tur.br/images/stories/2015/jul2015/pantanal.jpg

Fonte do artigo: https://www.pensamentoverde.com.br/meio-ambiente/tipos-de-florestas-brasil/

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você aceita, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceito Leia Mais